Igreja no Mundo

ANGELUS: SER TESTEMUNHA DE CRISTO É UM DOM, NÃO PODEMOS NOS FURTAR

“Neste mundo marcado pelo egoísmo e pela avidez, a luz de Deus está ofuscada pelas preocupações do cotidiano. (…) Mas não devemos nos esquecer que o Batismo que recebemos faz de nós testemunhas”, disse o Papa na sua alocução. Ao final da oração, Francisco deixou a Biblioteca e quis saudar os fiéis da janela do seu escritório “para vê-los um pouco em tempo real”.