Seminário São Tiago lança logomarca comemorativa pelos 60 anos da intituição

O Seminário Diocesano São Tiago completa nesse ano de 2022 os seus 60 anos de existência. A sua criação se deu no dia 29 de abril de 1962, por ato de Dom Delfim Ribeiro Guedes. Tal acontecimento será celebrado durante todo esse ano com uma programação especial, cuja abertura acontecerá no dia 05 de fevereiro, na Catedral Basílica Nossa Senhora do Pilar, ocasião na qual o seminarista Daniel Josino será ordenado Diácono da Igreja.

Para marcar as comemorações foi idealizada uma identidade visual especial. Uma logomarca. Esse sinal artístico é fruto das reflexões feitas pelos reitores e seminaristas nas atividades do Mês Vocacional 2021 que, em seguida, foram interpretadas e transformadas em arte pelo artista plástico Romolo Picoli Ronchetti, que tem prestado relevantes serviços à arte litúrgica no Brasil.

CONFIRA A EXPLICAÇÃO:

  • A logomarca da comemoração apresenta um São Tiago dinâmico, impulsionado pela ação irrequieta do Espírito Santo. Ao ser retratado em movimento o apóstolo é uma testemunha que andou por várias cidades anunciando o Cristo Ressuscitado, como missionário da Boa Nova.
  • Expressando a dinamicidade do apostolado, São Tiago tem o manto esvoaçante, indicando o sopro do Espírito Santo que o inspira e conduz; leva o cajado do peregrino, com uma concha pendurada, lembrando que nesse mundo somos peregrinos e missionários. A concha lembra que essa missão nasce do Batismo e tem relação com um milagre em São Tiago de Compostela.
  • O Apóstolo tem a mão erguida, apontando para o alto, onde está a monograma de Cristo. A missão dos futuros padres é a de levar o Cristo – Christum ferent! – ao mundo inteiro, seguindo o mandato apostólico: “Ide pelo mundo inteiro e proclamai o Evangelho a toda criatura!” (Mc 16, 15).

Com informações da Diocese de São João Del-Rei